quinta-feira, 6 de agosto de 2015

De fazer arrepiar a espinha...




Ontem, fui a um restaurante almoçar. Depois da refeição, levantei-me, fui lavar as mãos e quando voltei, um homem ficou a olhar para mim, estranhei mas continuei a andar, só que ele não desviava o olhar e eu acabei por ficar a olhar para ele também, até que ele me pisca o olho. O meu coração não parou mais, fiquei completamente em pânico! Fui-me sentar e o raio do homem não parava de olhar para a mesa onde eu, o meu pai e os meus irmãos estávamos a almoçar, mas eu ignorei por completo. Por fim, nós fomos pagar e não é que o homem decidiu ir pagar ao mesmo tempo, eu estava mesmo assustada. O meu pai ficou a pagar e eu e os meus irmãos fomos indo para o carro e o homem foi atrás de nós, mas felizmente, foi para o carro dele e prosseguiu viagem.
Até casa não parei de olhar para trás, para verificar que ninguém nos estava a seguir! Que coisa mais marada!

3 comentários:

  1. Chama-se assédio. Vivo disso quase todos os dias. Ainda no outro dia fui à praia com o meu namorado e ainda nem me tinha despido (estava com t-shirt e uns calções super banais) e um homem fixou-se em mim. Ele estava com a namorada dele mas não parava de olhar para mim, até tive medo de tirar a t-shirt e ficar em biquini porque ele estava mesmo fixado e quando abraçava a namorada continuava a olhar para mim... Senti-me super desconfortável e até com medo que ele fizesse alguma coisa :s

    ResponderEliminar
  2. esses homens são perigosos, mellia! pode até nem te ter feito nada mas eu acho que devias ter dito alguma coisa aos teus pais ou assim. não te fez mal a ti mas quem sabe se não pode fazer amanhã a alguém... :/

    r: a gente não se entende ahahah

    ResponderEliminar
  3. Acontece-me tantas, mas tantas vezes! Acho que esse foi um dos motivos de me ter ido para o boxe! É horrível, merda de gente!

    ResponderEliminar